RSS do Ministério do Desenvolvimento

 

Busca Avançada

Preencha os campos abaixo para encontrar o que deseja:
 


Página Inicial » Comércio Exterior » Notícias » Brasil e Argentina decidem ampliar integração produtiva e comercial

Brasil e Argentina decidem ampliar integração produtiva e comercial

18/02/2016

Brasil e Argentina decidem ampliar integração produtiva e comercial

Buenos Aires (18 de fevereiro) – Brasil e Argentina decidiram relançar a Comissão Bilateral de Comércio em busca de maior integração produtiva e comercial.  A decisão foi tomada durante visita do ministro Armando Monteiro à Argentina. Ele se reuniu com os ministros dos Transportes, Guillermo Dietrich, e da Produção, Francisco Cabrera.

“Precisamos fortalecer a relação, revigorar o comércio, acentuar e promover a integração produtiva e caminhar juntos na direção de uma inserção do Mercosul nos fluxos de comércio e investimentos mundiais. Essa visita pretende exatamente traduzir a orientação do governo brasileiro de que nós temos que cada vez mais fortalecer a relação com a Argentina”, disse o ministro.

Monteiro afirmou que o comércio bilateral é fortemente voltado para o setor automotivo e que o Brasil tem a perspectiva de promover uma renegociação do acordo existente.  O ministro apresentou uma proposta de acordo de livre comércio automotivo em substituição ao atual sistema de cotas. Em comunicado conjunto, “os ministros concordaram em lançar um cronograma de negociações bilaterais” sobre o tema.

Monteiro falou ainda sobre as negociações entre Mercosul e União Europeia em torno de um acordo de livre comércio. “Temos uma visão convergente de que acordo com a União Europeia é fundamental por exatamente marcar o reposicionamento do Mercosul na perspectiva de integração com o maior bloco econômico do mundo”.

Leia abaixo a íntegra do comunicado conjunto:

Argentina e Brasil relançam relação bilateral em busca de uma maior integração produtiva e comercial

Buenos Aires, 18 de fevereiro de 2016. O ministro de Produção da Argentina, Francisco Cabrera, recebeu o ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Armando Monteiro, com o objetivo de aprofundar a relação bilateral e buscar uma maior integração produtiva e comercial.

Após a reunião, os ministros enfatizaram a importância da integração produtiva e comercial no marco da parceria estratégica entre Argentina e Brasil, em linha com as orientações definidas pelos presidentes Mauricio Macri e Dilma Rousseff durante reunião em Brasília.

Sobre o acordo automotivo entre os dois países, os ministros concordaram em lançar um cronograma de negociações bilaterais. Ambos definiram que os principais objetivos são a integração produtiva, geração de empregos, agregação de valor tecnológico e acesso a novos mercados. Concordaram ainda com o objetivo de alcançar, progressivamente e em condições de equilíbrio, o livre comércio bilateral do setor automotivo.

Em seguida, enfatizaram a necessidade de uma estratégia conjunta para a competitividade, desenvolvimento tecnológico e inovação, buscando facilitar a inserção de micro, pequenas e médias empresas nas cadeias regionais e globais de valor.

"Acreditamos na necessidade de dinamizar o funcionamento interno do Mercosul, em coordenação com os nossos parceiros. Colocamos especial ênfase nas questões de investimento, compras governamentais e convergência regulatória ", disse o ministro Francisco Cabrera.

"O Mercosul tem especial importância nas negociações internacionais; acreditamos que temos que priorizar a troca de ofertas com a União Europeia e a ampliação da rede de acordos comerciais extra-regionais ", disse o ministro Monteiro.

Foi acordado relançar a Comissão Bilateral de Comércio, que terá sua primeira reunião na segunda quinzena de março.

Finalmente, os ministros concluíram que todas as ações conjuntas terão como eixo a atração de investimentos e a criação de empregos, com o objetivo de reduzir a pobreza.


Assessoria de Comunicação Social do MDIC
(61) 2027-7190 e 2027-7198
imprensa@mdic.gov.br
 
Redes Sociais:
www.twitter.com/mdicgov
www.facebook.com/mdic.gov
www.youtube.com/user/MdicGovBr
www.flickr.com/photos/mdicimprensa
http://pt.slideshare.net/mdicgovbr
https://soundcloud.com/mdic  

 

http://www.desenvolvimento.gov.br/sitio/interna/noticia.php?area=5¬icia=14333