RSS do Ministério do Desenvolvimento

 

Busca Avançada

Preencha os campos abaixo para encontrar o que deseja:
 


Página Inicial » Comércio Exterior » Notícias » Quarta semana de dezembro tem superávit de US$ 2,024 bilhões na balança comercial

Quarta semana de dezembro tem superávit de US$ 2,024 bilhões na balança comercial

28/12/2015

Quarta semana de dezembro tem superávit de US$ 2,024 bilhões na balança comercial

Brasília (28 de dezembro) – A balança comercial brasileira teve saldo positivo de US$ 2,024 bilhões na quarta semana de dezembro, que teve 4 dias úteis. Neste período, as exportações foram de US$ 3,623 bilhões e as importações chegaram a US$ 1,599 bilhão. No acumulado do ano, as vendas externas totalizaram US$ 188,866 bilhões e as compras no exterior foram de US$ 170,182 bilhões, resultando num superávit de US$ 18,684 bilhões.

Na quarta semana de dezembro a média das exportações foi de US$ 905,8 milhões, 16,4% acima da média de US$ 778,0 milhões, registrada até a terceira semana, em função, principalmente, da exportação de uma plataforma para extração de petróleo no valor de US$ 818 milhões. Assim, as vendas de produtos manufaturados cresceram 45,4%. Além da plataforma, também cresceram as exportações de bombas e compressores, calçados, torneiras/válvulas, papel e cartão, máquinas para terraplanagem.

Os produtos semimanufaturados também tiveram crescimento de 5,7% nas exportações, por influência de celulose, ouro em forma semimanufaturada, couros e peles e óleo de soja em bruto. Já as vendas de produtos básicos caíram 10,3%, por conta de minério de ferro, petróleo em bruto, milho em grão, carne bovina e farelo de soja.

Em relação às importações, houve queda de 27%, pela média (US$ 399,8 milhões) em relação à média até a terceira semana (US$ 548 milhões) explicada, principalmente, pela diminuição nos gastos com combustíveis e lubrificantes, equipamentos mecânicos, aparelhos eletroeletrônicos, veículos automóveis e partes, químicos orgânicos/inorgânicos e adubos e fertilizantes.

Mês

Em dezembro, houve crescimento de 1,4% nas exportações, se comparadas as médias até a quarta semana (US$ 806,4 milhões) com a de dezembro de 2014 (US$ 795,0 milhões. A principal razão foi o crescimento de 16,5% nas vendas de produtos manufaturados por conta de plataforma para extração de petróleo, tubos flexíveis de ferro e aço, bombas e compressores, automóveis de passageiros, tratores, etanol, e aviões.

Já as vendas de produtos básicos caíram 9,9%, em função, principalmente, de minério de ferro, petróleo em bruto, café em grão, carne bovina e de frango e farelo de soja. As exportações de semimanufaturados também apresentam queda de 2,4%, influenciada por ferro fundido, ferro-ligas, alumínio em bruto, couros e peles, semimanufaturados de ferro e aço. Em relação à média de novembro deste ano, houve crescimento de 16,8%, em virtude dos aumentos nas vendas das três categorias de produtos: básicos (6,6%), semimanufaturados (10,6%) e manufaturados (31%).

Nas importações, a média diária até a quarta semana (US$ 515,1 milhões)  ficou 34,1% abaixo da média de dezembro do ano passado (US$ 781,5 milhões). Decresceram os gastos, principalmente, com combustíveis e lubrificantes (-63,2%), aparelhos eletroeletrônicos (-42,2%), veículos automóveis e partes (-41,2%), plásticos e obras (-35,4%), siderúrgicos (-32,7%) e equipamentos mecânicos (-32,0%).

Na comparação com novembro de 2015, também houve retração (-18,3%), pelas quedas nas compras de em combustíveis e lubrificantes (-36,8%), aparelhos eletroeletrônicos (-26,1%), plásticos e obras (-24,4%), químicos orgânicos/inorgânicos (-23,3%), veículos automóveis e partes (-21,9%) e equipamentos mecânicos (-18,8%).

Ano

Até a quarta semana de dezembro, as exportações totalizaram US$ 188,866 bilhões e as importações US$ 170,182 bilhões, gerando um superávit US$ 18,684 bilhões. As exportações acumularam média diária de US$ 767,7 milhões, valor 14% menor que o verificado no mesmo período de 2014 (US$ 892,9 milhões).

Já as importações tiveram desempenho médio diário de US$ 691,8 milhões, 24% abaixo do registrado no mesmo período do ano passado (US$ 910,6 milhões). No ano, a corrente de comércio chega a US$ 359,048 bilhões, com desempenho médio diário de US$ 1,459 bilhão, 19,1% menos que o verificado no mesmo período de 2014 (US$ 1,803 bilhão).

Assessoria de Comunicação Social do MDIC
(61) 2027-7190 e 2027-7198
imprensa@mdic.gov.br

Redes Sociais:
www.twitter.com/mdicgov
www.facebook.com/mdic.gov
www.youtube.com/user/MdicGovBr
www.flickr.com/photos/mdicimprensa
http://pt.slideshare.net/mdicgovbr
https://soundcloud.com/mdic

http://www.desenvolvimento.gov.br/sitio/interna/noticia.php?area=5¬icia=14260